Gostonômicas

Conspiração ou realidade?

Q: No Olho da Tempestade - uma série que investiga e debate o mal estar de uma das conspirações online que arrasta uma incauta multidão

Por Lu Leite



“Onde um vai todos vão atrás.
Eu parei de acreditar em coincidências.
A mídia está mentindo para você.
Eu sei o quanto isso parece louco.
Ideias perigosas.
Há um ponto crítico para todo mundo.”

Essas frases fazem parte do trailer da nova série da HBO, Q: no olho do furacão, dirigida por Cullen Hoback.
A produção da série  investigou por três anos QAnon, movimento que faz uso de teorias da conspiração, liderado pelo personagem anônimo conhecido como “Q”. Investigou também as conexões entre QAnon, o Presidente Trump, agentes políticos e ex-militares. Outro ponto abordado foi a influência de QAnon na cultura e na política americana, mostrando as consequências da irrestrita liberdade de expressão encontrada nos mais profundos cantos da Internet. 
Na série documental são abordadas as guerras de informação e técnicas de manipulação usadas para operar na internet, atacar políticos e influenciar o pensamento das pessoas. Atualmente, 56% dos republicanos norte-americanos acreditam nas alegações de QAnon e muitos deles são participantes ativos.
Durante a invasão e depredação do capitólio americano em 06/01/21, o Q Anon estava em toda parte, camisetas, bandeiras, bonés e cartazes. Era o símbolo da crença daquela multidão: “o dia da tempestade chegou; o acerto de contas chegou”. O que eles queriam? Impedir a posse de Joe Biden.
Mas o que é Q Anon? O cineasta Cullen Hoback coletou material para a série desde o início de 2018. Logo após as primeiras postagens, no site 8chan, assinadas com a letra Q, referência a um nível elevado de confidencialidade nos órgãos de inteligência americana. O diretor conversou com três americanos (Jim Watkins, Ron Watkins e Fred Brennan) administradores e criador do site 8chan que nasceu com o objetivo de ser um espaço de total liberdade de expressão.

            Q: No Olho da Tempestade aborda a jornada labiríntica para descobrir o funcionamento interno do QAnon, um enorme movimento de conspiração online.  Para descobrir a verdadeira identidade de Q, o cineasta Cullen Hoback se insere no 8chan, um submundo sombrio da internet.


Questão 1 a confirmar: a série pode incidir na teoria da conspiração. Não há provas de que Ron Watkins seja Q; nem evidências de que os Watkins tenham contato com Trump ou com os radicais do exército americano.
Questão 2 a pensar: mesmo que tudo seja conspiração, causa um mal estar. Há as figuras dos Qtubers com suas postagens, podcasts e fóruns online com esquisitices, políticas e sexuais.

            Enfim, vale a pena assistir e traçar um paralelo com a nossa realidade. Pensemos no chamado “Gabinete do ódio”, na influência das redes sociais e youtubers nas eleições passadas; nas ações de grupos que vão às ruas gritar por direitos, mas querem fechar o Supremo Tribunal Federal. Ou ainda, pedem a volta de militares para salvar a pátria dos comunistinhas; gritam que o Brasil nunca será vermelho, desconhecendo que o pau brasil é vermelho!

            Cuidado para não cair na toca do coelho!


  • Q: No Olho da Tempestade é uma série original HBO
    O documentarista Cullen Hoback se propõe a desmistificar QAnon traçando sua mecânica, origens e primeiros divulgadores.
  • Ano de produção: 2021
  • Gênero: Documentário
  • Duração: 58 min
  • Classificação Indicativa: Não recomendado para menores de 16 anos.