Pular para o conteúdo

Ilumiara e o trabalho cantado

por Silvia Regina Guimarães

Queijo minas e farofa estimularam a conversa com o público antes do show do Grupo Ilumiara que, muito mais que música, provocou pensamentos sobre a cultura, o trabalho e o fazer das mãos, surrupiados pela grande indústria do muito, das massas, dos rótulos, das grifes, que acaba até por renomear o prato caseiro da cozinheira anônima, como a última revolução na cozinha de um chef estrelado qualquer, estrangeiro ou do centrão brasileiro, que se encantou com o que parecia tão comum nas terras de ninguém e, por conta disso, poderia ser desprezado.

Essa é a convocatória proposta pelas músicas de trabalho recuperadas em pesquisas e arranjos dos músicos Alexandre Gloor (rabecas), Carlinhos Ferreira (percussão), Leandro César (violão e marimba), Letícia e Marcela Bertelli (voz), que se apresentaram dias 14 e 15 de agosto no vão da Caixa Cultural.

No feitio de rabecas e instrumentos inusitados, como uma fiadeira que não apenas lembra o gestual das fiandeiras, mas produz um som que as presentifica no ensejo da cantiga,  a sonoridade reaviva e provoca memórias que nem se supunham existentes nas mentes tão urbanas dos paulistanos natos ou assimilados da plateia.

Criadas com o ritmo, pensamentos e proposições decorrentes de trabalhos incomuns na paisagem da metrópole, mas ainda presentes no dia a dia de diversas localidades brasileiras, letras e melodias revolveram sentidos em busca de significados sobre o modo como vivemos e acreditamos que deva ser a vida. Era para atenuar a exaustão, espantar o tédio, tornar mais feliz a prática daquilo que deveria servir para fazer viver mais, que se cantou cada uma daquelas canções. Músicas que incentivaram colheitas, capinas, quebra e deslocamento de pedras, o serviço funerário, o fiar, o tear, o cozinhar, o espantar dos males do amor deixado para trás por culpa do trabalho.

Conheça o som desses afetos em: https://soundcloud.com/ilumiara . E acompanhe os próximos shows do Ilumiara em: https://www.facebook.com/ilumiara/


Silvia Regina Guimarães é doutora em Comunicação e Semiótica e comunicadora social. Pesquisadora dos discursos do gosto, busca amplificar suas observações sobre  o mundo e seus percursos, pensando e escrevendo sobre alguns deles.

1 Comentário »

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: